Nosso Natal feliz

Quem realmente me conhece sabe do meu amor por essa época do ano. Acredito que nela os dias são mais lindos, onde tudo brilha e a esperança é o que reina, em que tudo pode sim ser melhor.

Mas, nesse 2014 (que ano!!) as coisas foram bem diferentes. Passei os dias que antecedem a festa do Natal apenas imaginando como será o meu próximo. Sim, pois esse foi o último Natal sem ser papai Noel. rs..

photos-noel-24-idees-inspirer-L-VYGemb

Hora ou outra me pegava imaginando como vai ser o próximo final de ano. A nossa pequena estará com aproximadamente 9 meses, aquela fase delícia que se encanta com as cores e aponta para tudo o que quer. Ah, se o Natal já era bom, fico sonhando com os próximos e não consigo imaginar o tamanho da felicidade.

Indo para a nossa ceia, na noite do dia 24, conversávamos sobre as mudanças que teríamos nesse ano. E chegamos ao assunto Papai Noel. Tem coisa mais mágica e deliciosa do que acreditar em papai Noel? E ficamos mais uma vez sonhando com os olhinhos da nossa pequena Lívia.

Apesar da correria, o sentimento dessa data já começou a ter um novo sentido para nós. E nesse último Natal já ganhei o meu maior presente: além da baby os chutes e cambalhotas que sinto aqui dentro, parece que me transbordam e fico apenas esperando o próximo e o próximo e o próximo…

Anúncios

A melhor surpresa da vida

Talvez muita gente não tenha entendido a história do último post de eu ter encontrado o meu lado. Pois, quem me conhece sabe que sempre fui uma pessoa muito certa das minhas vontades, desejos e valores. Mas, sim, a vida me trouxe uma surpresa! E vou confessar foi a MELHOR surpresa que eu poderia ter.

Sei que as notícias correm, ainda mais em cidade pequena – com o povo que gosta de falar – e família grande, mas ainda acredito que pessoas muito queridas também ficarão sabendo das boas novas por aqui, junto com vocês, meus leitores!

Eu, pessoa durona, que sempre gostou de planejar e ter as rédias da vida na mão, há algumas semanas fui pega de calça curta. Por alguns instantes fiquei sem saber o que fazer. Totalmente perdida. Até que recebi um abraço e ouvi: Calma, vai dar tudo certo, meu amor! Agora temos a nossa família.

Sim! Agora tenho a minha família. Um baby está chegando para trazer ainda mais alegria para minha vida que já era repleta de cores e sabores.

Chupeta e baby

Estou grávida de exatas 13 semanas. As turbulências e as maiores preocupações do primeiro trimestre já passaram, apesar de não ter sentido nada de enjoo e aquelas coisas chatinhas que todo mundo está careca de saber que as gravidinhas podem sentir e ter.

Hoje estou muito mais do que feliz. Talvez, radiante seja a palavra, ou, ela até seja pouco para definir as minhas alegrias quando vejo um ultrassom e escuto o coraçãozinho do pequeno ou pequena bater.

Agora a ideia é dividir aqui no Saia as novas aventuras dessa mesma mulher que é apaixonada pelo mundo feminino e agora, ainda mais apaixonada, pela mundo da maternidade.

Bem vindos ao nosso novo mundo! E com o tempo vou contando os prazeres das novas descobertas.